Maior Jornal da China Chama Bitcoin de Bolha

O People’s Daily, o jornal oficial do Partido Comunista Chinês e o maior grupo de jornal na China e publicou recentemente um artigo que chama o bitcoin de bolha, comparando a criptomoeda com a bolha holandesa das tulipas do século XVII. Assim como o Jamie Dimon do JP Morgan fez.

O artigo menciona inicialmente o crescimento do bitcoin em 2017. A criptomoeda subiu de menos de US$ 1.000 para mais de US$ 19.000 no ano passado, antes de cair de volta para US$ 13.000. Desde então, recuperou-se e atualmente está sendo negociada em US$ 15 mil.

Tendo em conta o seu preço volátil e o crescimento surpreendente, o People’s Daily afirma que é um fato que o bitcoin é uma bolha

“Independentemente de como seu preço ou valor são avaliados, bitcoin é uma bolha”. “As chamadas vantagens – escassez, autenticidade, forte liquidez, transparência e descentralização – são apenas para mascarar a especulação e não podem suportar seu preço volátil”.

De acordo com o artigo, a bolha do bitcoin foi criada por uma combinação de especulações, hype, mistério e descentralização. O autor, Wei Liang, até sugere possíveis insider trading, sugerindo uma grande quantidade de investidores manipulando o bitcoin para alimentar a especulação e aumentar o preço da criptomoeda.

Ele acrescenta que o bitcoin não é reconhecido como uma moeda em todo o mundo e que os reguladores financeiros “naturalmente não regulam o bitcoin tanto quanto fazem outras moedas”, deixando ele em uma “área cinza especial” e usa os contratos futuros de bitcoin em exchanges reguladas como exemplo de como a criptomoeda está sendo protegida.

O People’s Daily, em seguida, compara a criptomoeda com a bolha das tulipas holandesa, o que implica que a bolha do bitcoin explodirá quando os governos de todo o mundo começarem a regulá-la. Como tal, o cuidado é aconselhado, pois o preço do bitcoin no passado viu quedas acentuadas e sua “direção futura é particularmente alarmante”.

Este artigo se dá em um momento que a China está perdendo um pouco de relevância no cenário mundial das criptomoedas. Apesar de concentrar grande parte do poder de mineração do bitcoin, esse número vem diminuindo principalmente após a proibição das exchanges chinesas e dos ICOs no meio do ano passado.

Via Portal do Bitcoin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *